Uma falha no motor obrigou um piloto a aterrar de emergência na praia de Sidmouth, na costa de Devon, na Inglaterra. O incidente aconteceu no passado sábado.

A aeronave conseguiu aterrar em segurança e os ocupantes estavam fora de perigo.

Em declarações ao Sidmouth Herald, o piloto, Zac Rocky, explicou que a única opção, quando o motor começou a perder a energia, era aterrar na praia. 

O motor estava com alguns problemas. Começou a perder energia, a 'morrer'. Começámos a ver as opções que tínhamos no cockpit para nos auxiliar e percebemos que tínhamos que aterrar", disse o piloto. 

Apesar de ter corrido bem, o piloto esclareceu ainda que havia risco ao aterrar na praia, uma vez que a aeronave podia ter embatido nas rochas. 

A única passageira, Trudi Spiller, contou ao Devon Live que tentou abanar os braços às pessoas que estavam na praia para saírem de lá. 

Estava um pouco assustada. Não pensei que a minha vida ia acabar ali, mas pensei 'onde é que vamos parar'".