A polícia desmantelou esta quarta-feira um acampamento em Paris com várias centenas de imigrantes, na sua maioria oriundos do Sudão, Eritreia e Afeganistão, que se formou nas últimas semanas na rua, sob uma passagem aérea do metro.

Dezenas de agentes montaram um cordão policial pouco depois das 06:00 (05:00 em Lisboa) abrangendo várias centenas de metros da avenida de Villette em torno da estação de metro de Stalingrad, em que têm estado a viver, em tendas de campanha, sobretudo jovens, mas também algumas mulheres e crianças.

Pouco antes das 08:00 (07:00 em Lisboa), as forças de segurança continuavam a impedir o acesso ao perímetro isolado, dentro do qual se podia ver um autocarro no qual iam entrando imigrantes para serem conduzidos para abrigos.