A Rússia decidiu reforçar os controlos sobre os produtos alimentares e agrícolas importados da Turquia, citando violações de normas sanitárias, anunciou hoje o Ministério da Agricultura, dois dias depois de a Turquia ter abatido um avião militar russo.

“Atendendo às repetidas violações de normas russas por parte dos produtores turcos, o governo russo incumbiu a [agência de segurança alimentar] Rosselkhoznadzor de reforçar o controlo sobre o fornecimento de produtos agrícolas e de alimentos da Turquia, bem como organizar controlos adicionais na fronteira e locais de produção na República da Turquia”, afirmou o ministro da Agricultura, Alexander Tkachev, em comunicado.

Tkatshev citou a presença de "substâncias proibidas e prejudiciais", assim como doses excessivas de pesticidas ou nitratos.

A Turquia é um grande exportador de frutas e verduras e um importante fornecedor para a Rússia.