Um avião da Air China, que viajava de Nanning para Pequim, foi forçado a uma aterragem de emergência num aeroporto do sul do país, por causa de uma ameaça de bomba.
 
A ameaça partiu de um dos passageiros que garantia estar na posse de um engenho explosivo pronto a deflagrar.
 
O avião conseguiu aterrar em segurança, com os serviços de emergência do aeroporto mobilizados.
 
Três passageiros acabaram por ser levados pela polícia para serem interrogados.
 
Os outros passageiros seguiram viagem para Pequim.