As forças de luta antiterrorista do Iémen libertaram, na madrugada desta terça-feira, oito reféns, incluindo um de nacionalidade estrangeira, numa operação de segurança em que morreram sete sequestradores da rede Al-Qaeda, segundo a Comissão de Segurança Suprema do país.

 

Em comunicado, o organismo anunciou que a libertação dos sete iemenitas e do cidadão estrangeiro, cuja nacionalidade não foi revelada, foi levada a cabo, esta madrugada, «com êxito».

 

No comunicado, que não faculta dados sobre o local da operação, indica-se ainda que um membro das forças da luta antiterrorista ficou ferido na missão de resgate.