Pelo menos 18 pessoas morreram num ataque com armas brancas e explosivos perpetrado na segunda-feira contra um controlo policial no noroeste da região autónoma chinesa de Xinjiang, noticia a agência Efe.

Segundo a Radio Free Asia (RFA), órgão de comunicação financiado pelos Estados Unidos, o incidente ocorreu na segunda-feira na cidade de Kashgar, centro histórico e cultural dos uigures, a etnia maioritária em Xinjiang, de religião muçulmana e frequentemente envolvidas em disputas com indíviduos da etnia han – maioritária no país - e em relação aos quais se dizem discriminados.

Alegadamente o ataque começou quando um carro acelerou ao chegar ao controlo policial e o condutor atacou um polícia, que ficou ferido numa perna.