Um documento judicial revelou que a polícia Federal Norte-Americana (FBI) impediu um atentado que seria realizado por um ex-marine em São Francisco.

No documento, transmitido pelo agente especial Christopher McKinney a um tribunal da Califórnia, revela a prisão na sexta-feira de Everitt Aaron Jameson, um camionista de 26 anos.

Segundo o documento, Jameson, inspirado pelo grupo extremista que se intitula Estado Islâmico, queria fazer explodir o célebre “Pier 39”, um cais em São Francisco que é um famoso lugar turístico da costa oeste norte-americana.

O homem planeava cometer o atentado entre 18 e 25 de dezembro, porque, segundo o acusado, “o Natal é o dia perfeito para cometer um atentado”.

Jameson expos os seus projetos de atentado a um agente do FBI sob disfarce, que o ex-marine pensava ser um eminente membro do grupo terrorista.

Os dois homens trocaram mensagens, em que o suspeito repetia ao agente federal a sua motivação.

"Qualquer coisa, conte-lhes qualquer coisa ... Estou pronto, dê luz verde e será feito", dizia o acusado.

Everitt Aaron Jameson, ex-marine, será apresentado a um juiz no dia 05 de janeiro e arrisca uma pena de prisão de até 20 anos.