As autoridades de saúde da Coreia do Sul confirmaram a ocorrência de um caso de cólera, o primeiro em 15 anos da doença que mata milhares de pessoas anualmente em todo o mundo.

Um homem de 59 anos, da cidade de Gwangju, no sudoeste do país, foi diagnosticado com cólera no hospital, informaram os Centros de Controlo e Prevenção de Doenças da Coreia do Sul (KCDC) em comunicado.

O paciente não viajou para o estrangeiro nos últimos meses, pelo que o contágio ocorreu dentro do país, segundo a mesma nota dos KCDC.