Militares portugueses na República Centro-Africana participaram na sexta-feira na operação de auxílio a 13 feridos de um acidente de viação, a 100 quilómetros da capital, Bangui, indicou o Estado-Maior General das Forças Armadas.

Os militares portugueses, que integram a Força de Reação Imediata ao serviço das Nações Unidas, garantiram a proteção de um perímetro de segurança, que permitiu a prestação de socorro às vítimas do acidente, refere a nota do Estado-Maior.

Uma carrinha despistou-se, depois de perder uma roda, e “entrou pela povoação [de Bogournou] de forma descontrolada, embatendo violentamente e atropelando diversos elementos da população local”, adianta.

“O incidente foi detetado durante uma operação de patrulha de reconhecimento e vigilância a norte da capital do país, Bangui”, segundo o comunicado de imprensa.