Chuvas intensas continuam a cair nas Filipinas, inundando campos agrícolas e zonas montanhosas do norte, causadas pela passagem do tufão Koppu. O tufão já matou pelo menos 22 pessoas no país.

O Koppu perdeu força e tornou-se uma tempestade tropical, movendo-se para o Mar do Sul da China esta terça-feira de manhã, mas as chuvas intensas continuam a fazer-se sentir no norte das Filipinas, onde milhares de pessoas ficaram sem casa.

“As águas subiram muito rapidamente, mas felizmente fomos salvos”, disse à AFP Lourdes Gatmaitan, uma residente de 64 anos, depois de ter dormido num campo de basquetebol usado como centro de evacuação em Cabanatuan, uma cidade a cerca de três horas de Manila.