As forças de salvamento marítimo espanholas resgataram este domingo 42 imigrantes, que tinham chegado num pequeno barco de madeira à ilha de Alborão, a meio caminho entre o norte de África e Espanha.

O salvamento foi feito com recurso à embarcação Salvamar Denébola e as 42 pessoas que foram resgatadas, entre as quais seis mulheres, chegaram ao porto de Almería pelas 22:00 horas locais (21:00 em Lisboa), tendo recebido apoio médico de voluntários da Cruz Vermelha, antes de serem encaminhados para a Polícia Nacional espanhola.

Segundo um porta-voz das forças de Salvamento Marítimo espanholas, o centro de coordenação marítima recebeu, pelas 14:00 (13:00 em Lisboa), a informação de que estaria um pequeno barco de madeira ao largo da ilha Alborão, uma pequena ilha cerca de 55 quilómetros a norte da costa de Marrocos e 85 quilómetros a sul da província de Almería, em Espanha.

Cerca de uma hora mais tarde, o destacamento militar da ilha de Alborão informou de que a embarcação tinha conseguido chegar a terra pelos seus próprios meios.