O comboio de passageiros que descarrilou na segunda-feira perto de Seattle, no Estado de Washington, noroeste dos Estados Unidos, circulava a 130 quilómetros por hora numa zona limitada aos 50 quilómetros por hora, indicaram esta terça-feira as autoridades.

Ainda é muito cedo para afirmar por que motivo” o comboio circulava a essa velocidade (130 quilómetros por hora), disse aos jornalistas Bella Dinh-Zarr do Gabinete Nacional de Segurança nos Transportes.

De acordo com a agência noticiosa Reuters, a responsável do organismo federal dos transportes norte-americanos acrescentou que a informação sobre a velocidade provém do mecanismo de registo da locomotiva.

O descarrilamento do comboio de passageiros da Amtrak fez pelo menos três mortos confirmados. A Associated Press adiantou a existência de seis vítimas mortais.

O comboio fazia a ligação entre Seattle e Portland quando 13 das 14 carruagens descarrilaram cerca das 08:00 locais (13:00 em Portugal continental). Uma das carruagens caiu numa movimentada autoestrada.