O ex-presidente do Parlamento Europeu Martin Schulz foi hoje eleito líder do Partido Social-Democrata (SPD) alemão com 100% dos votos dos delegados ao congresso extraordinário.

Considero que este resultado é o início da conquista da chancelaria”, declarou Schulz, candidato a chanceler nas legislativas de 24 de setembro, depois de anunciado o resultado da votação.

A eleição por unanimidade não tem precedente na história do SPD do pós-guerra.

Schulz, de 61 anos, terá a difícil tarefa de expulsar Merkel do governo.