A Organização Mundial de Saúde (OMS) pediu aos países esta quinta-feira para investirem mais fundos no combate a um conjunto de doenças tropicais negligenciadas, como a febre dengue, que causam cerca de 500 mil mortes anualmente.

Com 1,5 mil milhões de pessoas afetadas num universo de 149 países, a OMS insiste, num relatório sobre o combate a «doenças tropicais negligenciadas» – em que elenca 17 – que a injeção de verbas adicionais pode salvar vidas, prevenir deficiências, acabar com o sofrimento e melhorar a produtividade.

«O aumento do investimento por parte dos governos pode aliviar a miséria humana, distribuir de forma equitativa os ganhos e libertar multidões há muito condenadas à pobreza», afirmou a diretora-geral da Organização Mundial de Saúde, Margaret Chan.