A China lançou esta quinta-feira para o espaço o seu primeiro telescópio espacial, destinado a procurar matéria escura no universo e inserido num programa que inclui a colocação em órbita de mais três satélites científicos durante 2016.

O Satélite Explorador de Partículas de Matéria Escura descolou hoje a bordo do foguete propulsor Longa Marcha 2-D, desde o centro de lançamento de satélites Jiuquan, na província de Gansu, nordeste da China, segundo a agência oficial Xinhua.

O veículo, que pesa 1,9 toneladas, vai-se posicionar numa órbita de 500 quilómetros de altura, a partir de onde observará a direção, energia e carga elétrica das partículas espaciais.