A Tailândia está preparada para acolher um barco com pelo menos 450 migrantes que há dias navega à deriva nas águas da Tailândia e Malásia, afirmou este domingo um porta-voz da marinha tailandesa.

Wirapong Nakprasit, oficial da marinha tailandesa, disse à agência Efe que desde quinta-feira deram, em três ocasiões, assistência ao barco com comida e água, mas que os migrantes, grande parte da minoria étnica "rohingya", insistiram que querem ir para a Malásia ou Indonésia.

"No sábado reparámos-lhe o motor do barco porque tinha água e demos-lhe comida para um dia e meio, o suficiente para chegarem à Indonésia", disse o militar na ilha de Lipe, no sudoeste da Tailândia.