A Coca-cola e a Pepsi ponderam investir na Chobani LLC, uma empresa líder de mercado nos EUA e especializada na produção de iogurtes gregos. Este negócio pode valorizar a firma em cerca de 3 mil milhões de dólares (mais de 2,6 mil milhões de euros). A informação é fornecida por fontes envolvidas nas negociações e avançada pela agência Reuters.

Segundo as fontes, o acordo era benéfico para todas as partes. A Chobani quer vender uma quota minoritária da empresa e quer um investidor estratégico a ajude a expandir o negócio. As duas empresas de refrigerantes querem alargar o seu leque de negócio e entrar no mercado dos produtos saudáveis, um dos setores com maior crescimento nos EUA.

Para quem achar estranho a Pepsi e a Coca-Cola estarem associadas a uma empresa de lacticínios desengane-se: para aumentar as oportunidades de sucesso, em 2012 a Pepsi uniu-se com a empresa germânica Theo Müller e começou a vender iogurtes. Já em 2015, a Coca-Cola iniciou a distribuição de uma marca de leite chamada FairLife, criada através de uma parceria com a Select Milk Producers.

A empresa de iogurtes gregos, fundada em 2005, ainda não fechou acordo com nenhuma das empresas líderes de refrigerantes e está também em conversações com outras empresas para um eventual investimento.

A Pepsi e a Coca-cola não reagiram às notícias e recusam comentar o assunto.