Quatro alpinistas, incluindo três estrangeiros, morreram na sequência de uma avalanche nos Himalaias, na região central do Nepal, disse esta quarta-feira fonte policial à agência AFP.

«Houve uma forte avalanche na zona de até 91 centímetros. Entre os mortos figuram dois polacos e um israelita. Um nepalês também ficou soterrado pela neve», detalhou Ganesh Rai.

De acordo com a polícia, outros cinco polacos, quatro israelitas e cinco alemães foram resgatados com vida a 200 km de Kathmandu.

O mau tempo foi causado pela cauda do Ciclone Hudhud e aconteceu no auge da época turística no Nepal.