Na Bélgica, a polícia realizou uma dezena de operações contra o terrorismo que resultaram na morte de dois jovens jihadistas em Verviers.

Depois dessa operação ter sido terminada, surgiram informações de que num assalto das autoridades a uma casa na rua Lieutenant Liedel, em Anderlecht, foram encontrados explosivos no interior do edifício, avança o Le Libre.

No entanto, segundo o Le Soir, a procuradoria não confirmou o assalto em Anderlecht. Já Eric Tomas, presidente da cidade, confirmou que não houve assalto nem tiros na zona, apenas buscas pela polícia federal a uma casa na rua Lieutenant Liedl, mas que não houve resultados.

As operações em Bruxelas continuam a decorrer, segundo afirmou a procuradoria. Já em Verviers, as operações foram dadas por terminadas, mas o bairro continua sob vigilância policial.

De acordo com a RTBF, várias pessoas são procuradas pelas autoridades, mas até ao momento não foram encontradas porque abandonaram as casas referenciadas.