Pelo menos cinco pessoas morreram e várias ficaram feridas, entre elas crianças, esta terça-feira, na sequência de um tiroteio numa escola primária em Tehama County, na Califórnia do Norte, Estados Unidos. De acordo com a cadeia de televisão CNN, que cita uma fonte policial, o suspeito terá sido morto pela polícia.

De acordo com a FOX News, o alerta foi dado pelas 08:00. O tiroteio terá começado numa casa e estendeu-se depois à escola. A polícia adianta que há sete espaços onde foram disparados tiros. 

Tudo terá começado com uma discussão doméstica, de acordo com os vizinhos do suspeito, tendo o homem saído para a rua e "escolhido alvos aleatoriamente".

Uma testemunha adianta que ouviu "uns 90 a 100 tiros". 

A escola, frequentada por 100 estudantes, foi encerrada.