As autoridades mexicanas anunciaram no domingo que mataram pelo menos dez presumíveis criminosos quando um gangue bloqueava estradas com veículos incendiados na tentativa de frustrar uma operação contra cartéis de droga no norte do país.

A operação, em que participaram soldados e polícias federais, foi levada a cabo de madrugada em Reynosa, cidade fronteiriça dos Estados Unidos que tem sido palco, há anos, de guerras territoriais pelo controlo de rotas de tráfico de droga.

Os fuzileiros envolveram-se em confrontos com os criminosos que seguiam num carro numa avenida, tendo morrido quatro suspeitos, indicou em comunicado a ‘task force’ de segurança do estado mexicano de Tamaulipas.