O ministro da Segurança Pública do Canadá disse na terça-feira que as detenções e acusações de três indivíduos por ações relacionadas com o terrorismo foram justificadas pelas ameaças «graves».

«Se as acusações foram apresentadas é porque havia razões fortes para acreditar que eles são potenciais terroristas», disse Steven Blaney ao canal de televisão CBC.

Na segunda-feira, as autoridades em Otava prenderam Suliman Mohamed, de 21 anos. O jovem enfrenta a acusação de participar em atividades de um grupo terrorista e conspirar para participar no terrorismo com os gémeos de 24 anos que foram presos na sexta-feira.

Carlos Larmond foi detido no aeroporto internacional de Montreal antes de partir para o estrangeiro com «intenções terroristas», informou a polícia.

Ashton Carleton Larmond foi acusado de «facilitar atividade terrorista» e de participar num grupo terrorista. Carlos preparava-se para viajar para a Síria, noticiou a CBC.