A Alemanha está a mobilizar “várias centenas de polícias” para controlar as suas fronteiras após ter decidido suspender a livre circulação prevista no acordo europeu de Schengen, devido ao afluxo maciço de refugiados, indicou a polícia.

“Estamos a mobilizar várias centenas [de polícias]”, disse hoje à tarde um porta-voz da polícia federal, citado pela agência de notícias francesa AFP, devendo o controlo ocorrer sobretudo na fronteira com a Áustria, por onde têm entrado dezenas de milhares de refugiados.


Os controlos nas fronteiras começaram hoje pelas 17:30 locais (16:30 de Lisboa), ou seja, no momento em que o ministro do Interior, Thomas de Maizière, anunciava a medida em Berlim.