Israel reforçou a segurança em Jerusalém e vai limitar durante vários dias o acesso à Faixa de Gaza devido ao início do ano novo “Rosh Hashaná”, que se prolonga até terça-feira à noite.

Agentes policiais foram enviados para Jerusalém e para os arredores da cidade no âmbito de uma ação especial concebida para impedir distúrbios durante as 48 horas que duram as festividades judaicas.

Também na fronteira de Erez, a norte da Faixa de Gaza e que é controlada por Israel, estão a ser adotadas medidas para controlar o acesso de pessoas até terça-feira em ambas as direções.

Já os postos de controlo militar na Cisjordânia continuam a funcionar normalmente, segundo um porta-voz local citado pela agência de notícias espanhola EFE.