A loja de colchões Miracle Matress, no estado norte-americano do Texas, foi alvo de uma onda de críticas na Internet, por ter criado a campanha “saldos Torre Gémeas”, coincidindo com o aniversário do ataque terrorista que, em 2001, atingiu Nova Iorque e mudou o mundo.

O anúncio, agora apagado da página da loja no Facebook, mostra dois funcionários a derrubarem uma torre de colchões, que no cimo tem uma bandeira dos Estados Unidos.

Na descrição associada ao vídeo, a gerente da loja, Cherise Bonanno, escreveu: “Há melhor maneira de relembrar o 11 de Setembro do que uns saldos Twin Towers?”

Agora pode adquirir qualquer tamanho de colchão por metade do preço [no original, twin price]”, acrescentou Bonanno no comentário. 

O vídeo provocou desagrado nas redes sociais. Um utilizador disse que achava difícil que nenhum dos criadores do anúncio nem nenhum dos funcionários da loja não conhecesse alguém que tivesse perdido a vida no 11 de Setembro. Outras pessoas acusaram os responsáveis da loja de "não terem vergonha", nem "respeito pelo país". 

Entretanto, o proprietário Mike Bonanno, através do Facebook, veio pedir desculpas em nome da empresa, admitindo que o anúncio representou “uma afronta de mau gosto para com os homens e mulheres que perderam a vida [no ataque]” e garantiu que foi aberto um processo disciplinar aos funcionários envolvidos.