A Polícia Metropolitana de Londres divulgou, este domingo, imagens dos falsos cintos de explosivos e da carrinha usada pelos três terroristas da Ponte de Londres e do Mercado de Borough, há uma semana. O atentado fez oito vítimas mortais e mais de 40 feridos.

Os três atacantes foram mortos pela polícia, durante o atentado, que foi reivindicado pelo Estado Islâmico. Durante a última semana, a polícia fez mais de uma dezena de detenções.  

As autoridades já tinham confirmado que os cintos de explosivos usados pelos três homens eram falsos. Agora divulgam imagens e alguns pormenores acerca do seu fabrico: eram feitos em couro e tinham três garrafas descartáveis com água envolvidas numa fita adesiva amarrada ao cinto.

A polícia divulgou também imagens da carrinha usada no atentado na Ponte de Londres. No interior, é possível ver vários sacos de terra decorativa, usada na jardinagem, algumas cadeiras e uma mala de viagem vermelha.

Na sexta-feira, a polícia já havia informado que o trio tinha tentado alugar um camião, com o intuito de o usar no atentado e, assim, causar um maior número de mortos.