Duas pessoas morreram após uma forte tempestade atingir o norte das Filipinas no fim de semana, causada pela passagem do tufão Noul, anunciaram as autoridades, esta segunda-feira.

Muitas das pessoas que tiveram de ser retiradas das suas casas, que ficavam no percurso previsto do tufão, começaram a regressar no domingo, após o Noul - o quarto e mais forte a atingir as Filipinas este ano - ter fustigado a costa com rajadas até 220 quilómetros por hora.

As autoridades disseram não esperar um número significativo de fatalidades, depois das ordens de evacuação terem sido dadas na sexta-feira.