«É mais branco que o branco, não tem quaisquer imperfeições internas e é tão transparente que eu posso compará-lo com uma piscina de água gelada», afirmou o chefe do departamento de joalharia da «Sotheby», Gary Schuler que descreve o diamante como «a definição de perfeição»



«Pink Star»por mais de 55 milhões de euros, em Genebra.