Pelo menos 18 pessoas morreram e 47 ficaram feridas nos Andes peruanos, depois do camião onde seguiam se ter despenhado numa ravina. Entre as vítimas mortais estão 15 estudantes menores.

 

O acidente aconteceu no domingo na província de Yarohuilca, região de Huánuco. No camião seguiam alunos, professores e pais de alguns estudantes do colégio César Vallejo. Tinham participado num desfile na cidade de Chavinillo e estavam de regresso a casa.

 

As vítimas eram de várias localidades do município de Cahuac, a cerca de 260 quilómetros a nordeste de Lima. 

 

As autoridades estão a investigar o acidente. Segundo o governador da região de Huánuco, Ruben Alva, o condutor do camião, que sofreu ferimentos ligeiros, foi detido.

 

O veículo despenhou-se numa subida, quando fazia uma curva. Só parou no fundo de um ravina. 

 

O mau estado das estradas e veículos, assim como a falta de fiscalização das autoridades, são apontadas como causas da alta sinistralidade rodoviária no Peru. 

 

Nas regiões andinas, a falta de transportes públicos leva muitas pessoas a viajarem em veículos agrícolas e camiões, como foi o caso das vítimas deste acidente.