Dois sismos atingiram na quinta-feira à noite (madrugada de sexta-feira em Portugal contiental), no espaço de meia hora, o Equador e o Panamá, não se registando até ao momento quaisquer vítimas.

O terramoto de maior magnitude - 6,5 segundo o Instituto Geofísico da Escola Politécnica Nacional - atingiu o Equador às 21h12 (03h12 em Lisboa), na fronteira com o Peru, na província de Chimborazo, com uma profundidade de 75 quilómetros e um epicentro localizado a 5,95 quilómetros de Cumandá.

Já de acordo com o Instituto de Geociências do Panamá, um sismo de magnitude 5,6 foi registado na região de Darien, que faz fronteira com a Colômbia.

O sismo, que não provocou feridos nem danos materiais de relevo, ocorreu às 20h47 (02h47 em Lisboa), com uma profundidade de 19,5 quilómetros.