Quando se pensa em Carnaval, pensa-se em Brasil, mas, nem sempre foi assim. O Carnaval nasceu na Europa. Esta e outras curiosidades sobre a festa da alegria. 

 

O Carnaval não é do Brasil

 

Carnaval do Brasil (Foto Reuters)

 

O Brasil é o rei do Carnaval, com direito a registo no Guinness, mas não tem os direitos de autor da festa. O Carnaval nasceu na Grécia e na Roma Antiga, antes de Cristo. No Brasil, por volta de 1500, há conhecimento de uma festa de Carnaval, em Pernambuco, importada de Portugal. A rota do açúcar, com escala nos portos da Madeira, terá contribuído também para levar a tradição para o país do samba. No século XIX, o Rio de Janeiro tentou recriar a festa de Veneza num baile. O Carnaval, com desfile no sambódromo, é bem mais recente.

 

O que é que quer dizer Carnaval?

 

Carnaval do Brasil (Foto EPA)

 

A designação de Carnaval é atribuída à expressão latina carnem levare, ou seja, o “adeus à carne”, marcando o período anterior à Quaresma, vivido pelos católicos.

O Carnaval também é conhecido por Entrudo, que declara os três dias imediatamente anteriores à Quarta-feira de Cinzas, ao início da Quaresma, dedicados a brincadeiras e festejos populares. Pessoas mascaradas vão pelas ruas atirando água, ovos e farinha.

Se, ao início era uma festa para agradecer o produto da terra, o Carnaval foi ganhando outra expressão com o passar dos anos e dos séculos: a sátira. O poder era satirizado sem consequências para aqueles que o desafiavam, culpa da festa que os deixava loucos. Daí se falar em folia, com origem no francês “folie”, que significa “loucura”.

 

Por que é que o Carnaval nunca se comemora no mesmo dia?

 

Carnaval do Brasil (Foto Reuters)

 

O Carnaval cai ora em fevereiro, ora em março. A terça-feira de Carnaval comemora-se 47 dias antes da Páscoa. Por conseguinte, a Páscoa decorre no primeiro domingo após a lua cheia que marca o equinócio da primavera. Os católicos iniciam o período da Quaresma na Quarta-feira de Cinzas. O Carnaval só foi reconhecido pela Igreja Católica em 590 d. C.

 

Carnaval de Veneza é o mais antigo da Europa

 

Carnaval de Veneza (Foto Reuters)

 

O Carnaval de Veneza é o mais antigo da Europa. Com origem no ano de 1162, marca a vitória sobre a ocupação da cidade, que passou a ser comemorada todos os anos na Praça de São Marcos. Cidade rica, com o passar dos anos, o Carnaval passou a ser pretexto para exibir as sedas e as joias em elegantes fatos de carnaval ornamentados com máscaras. A festa também se tornou numa boa ocasião para cortejar mulheres.

 

Carnaval de Paris inspirou o Carnaval do Brasil

 

Carnaval de Paris (Foto Reuters)

 

Ao lado do Carnaval do Rio de Janeiro, o Carnaval de Paris tem uma expressão muito reduzida. No entanto, terá sido este o Carnaval que inspirou a festa maior do Brasil. Com origem na festa dos tolos, da Iadde Média, a festa foi crescendo ao longo dos séculos, ganhando projeção e inspirando as festas pelo mundo fora. No cortejo do Boeuf Gras seguiam rapazes mascarados e carros de bois ornamentados com flores. No entanto, a festa deixou de ser organizada durante décadas.