As equipas de salvamento da Indonésia retomaram este domingo as operações de busca, quando faltam encontrar 86 das 162 vítimas que seguiam a bordo do avião da AirAsia que se despenhou, a 28 de dezembro, no mar de Java.

O chefe da Agência Nacional de Busca e Resgate da Indonésia, Bambang Soelistyo, anunciou, na semana passada, uma pausa de dois dias para as equipas de salvamento após semanas de buscas sob condições inóspitas.

Até ao momento, apenas foram recuperados 76 corpos das 162 pessoas que seguiam a bordo do Airbus A320-200, que deslocou da cidade indonésia de Surabaia com destino a Singapura.