Costa Freire demite-se da presidência da Glintt

Até agora presidente da comissão executiva não divulgou motivos da sua saída. Mira Godinho é o novo presidente

Por: Redação / RL    |   28 de Dezembro de 2010 às 19:51
A Glintt anunciou esta tarde ao mercado que, na reunião do conselho de administração, o presidente da comissão executiva, Fernando Costa Freire, divulgou a sua saída do cargo, sem esclarecer os motivos.

«Na reunião desta manhã do Conselho de Administração da Sociedade, o Eng. Fernando da Costa Freire apresentou a sua renúncia aos cargos de Presidente da Comissão Executiva e Vogal do Conselho de Administração da Glintt; Na mesma reunião, o Dr. Armando Reis apresentou a sua renúncia aos cargos de Vogal do Conselho de Administração e da Comissão Executiva da Glintt», lê-se no comunicado enviado pela tecnológica à CMVM.

Assim, «o Conselho de Administração da Glintt deliberou de seguida cooptar para seus Vogais, o Eng. Luis Gameiro da Silva e o Dr. Alexandre Gomes até ao termo do mandato em curso (2008-2010)», continua o comunicado.

Os novos administradores, que «iniciarão as suas funções no próximo dia 1 de Janeiro de 2011, são o presidente, Manuel Mira Godinho e os vogais Alexandre Gomes e Luis Gameiro da Silva», sendo que «o Conselho de Administração pondera, ainda, a integração de um quarto elemento na Comissão Executiva, a designar posteriormente».
PUB
Partilhar
EM BAIXO: Leasing
Leasing
COMENTÁRIOS

PUB
Operações irregulares no BES «fora do radar» de ex-administrador

Joaquim Goes alega que as cartas de conforto «não eram do conhecimento da maioria dos membros da comissão executiva». «Entre as quais, eu próprio», assegura. Estas cartas foram passadas BES à petrolífera venezuelana PDVSA e resultaram em elevadas imparidades ao banco no primeiro semestre de 2014. Depois disso, foi o fim.