Aproveitando a pausa de inverno do MotoGP, Miguel Oliveira vai aventurar-se no todo-o-terreno.

O piloto Moto2 troc, provisoriamente, as duas rodas por um SSV (buggy) da equipa PMF, na prova de 3 horas TT que se realiza em paralelo com as famosas 24 horas de Fronteira, prova alentejana.

A estreia de Oliveira na prova será feita aos comandos de um Can-Am Maverick X3 e na companhia dos pilotos Filipe Campos, também ele a fazer estreia nesta disciplina e de Pedro Ferreira.

“Estou ansioso por começar esta minha primeira experiência em terra. Vou ter a companhia de dois pilotos da especialidade, o Pedro Ferreira e o Filipe Campos, mas para mim será uma estreia absoluta” salientou.

Ex-campeão de todo-o-terreno com diversas vitórias internacionais no currículo, Filipe Campos não tem dúvidas.

“Estas máquinas são fantásticas. Nunca fiz nenhuma corrida, mas já tive a oportunidade de testar diversos modelos e este Maverick X3 é um verdadeiro veículo de competição”, salientou o piloto que, no passado mês de julho, foi parceiro de Nani Roma no tradicional comparativo anual dos SSV do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno.

Para outro elemento da equipa PMF, Pedro Ferreira, será a segunda prova depois de uma estreia no início da temporada no Raid TT da Ferraria.

“Este Can-Am Maverick foi adquirido no inicio do ano porque percebi que seria uma viatura excelente para treinar e teria ainda a possibilidade de participar em corridas que não coincidissem com as do campeonato auto”, explicou em comunicado. “Estou certo que o Miguel Oliveira e o Filipe Campos se vão divertir também” salientou.

O programa das 3 Horas TT Vila de Fronteira compreende verificações na manhã de 6ª feira, um briefing pelas 11 horas e uma sessão de treinos livres e cronometrados das 12h30m até às 14 horas. A corrida arranca no sábado às 8 horas