Mais uma amanhã de ganhos na bolsa de Lisboa com o PSI20 a crescer 0,19% para 4,613.28 pontos, seguindo a tendência europeia.

Uma tendência para a qual a Ásia deu um contributo decisivo após banco central do Japão anunciar que se prepara para injetar mais 17 mil milhões de euros na economia nipónica.

Na Europa, é dia de conselho de governadores do Banco Central Europeu. O presidente, Mario Draghi, na habitual conferência de imprensa, não deverá falar de políticas monetárias concretas em resposta à futura saída do Reino Unido da União Europeia. Mas, de acordo com a Bloomberg, é esperado que o responsável deixe algumas indicações sobre aquilo que o BCE poderá fazer para minimizar a incerteza provocada pelo processo negocial que advém do Brexit e que está prestes a começar.

Em Lisboa, a ajudar o índice nacional sobretudo o BCP, com uma valorização de 3,61% para 0,0201 euros.

Nas telecomunicações, o dia é da Nos, a valorizar 2,89% para 5,766 euros. A Pharol, apesar de ter menos peso no índice, segue-lhe o rasto, em alta de 5,62% para 0,188 euros.

Pela negativa, sobretudo a energia. Enquanto a EDP e a sua Renováveis negoceiam na linha de água, a Galp perde 0,79% para 12,50 euros. Em Londres, o Brent – a matéria-prima de petróleo que serve de referência às nossas importações – seguem ligeira alta com os futuros do barril – contratos negociados hoje para entrega posterior – a valerem 47,29 dólares.