Uma fotografia que foi tirada no último sábado em Celaya, no México, está a correr mundo. Um menino de 12 anos enfrentou uma multidão de pelo menos 11 mil manifestantes que protestavam contra o casamento entre homossexuais no país.

De acordo com a agência Ansa, durante uma manifestação organizada pela Frente Nacional para a Família, um menino parou, de pé e com os braços abertos, em frente aos manifestantes que caminhavam na direção dele, numa marcha que era encabeçada por três carros.

O momento foi captado pelo fotojornalista Manuel Rodriguez, de 21 anos, que o partilhou no Facebook, com a seguinte legenda: “Deu-me náuseas ver tanta homofobia junta, mas fica a imagem de um menino a tentar travar os manifestantes”.

Manuel Rodríguez perguntou ao menino da foto por que razão tomou aquela a atitude e a criança respondeu que tem na família um tio homossexual e que não quer que as pessoas o odeiem, já que para o rapaz o protesto era "de ódio", indica a estação de televisão norte-americana CNN.

Na página oficial no Facebook da Frente Nacional para a Família, afirma-se que 1.140.580 pessoas participaram na marcha em todo o país. Em Celaya, Manuel Rodríguez disse que os manifestantes eram cerca de 11 mil.

O protesto decorreu depois do Presidente mexicano Enrique Pena Nieto ter proposto a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo, escreve o jornal britânico Metro.