O Banco Central Europeu decidiu manter inalteradas as taxas de juro. 

A taxa de juro de referência mantém-se em mínimos históricos de 0,05%, uma redução que foi feira em setembro do ano passado, com o objetivo de aumentar a taxa de inflação e estimular a economia. 

​A instituição também manteve a taxa de depósito em -0,20 por cento, o que significa que os bancos pagam para deixar fundos no banco central, e a taxa de empréstimo em 0,30 por cento.