O prémio Nobel da Física 2016 foi esta terça-feira atribuído, a meias, a David J. Thouless, e a F. Duncan M. Haldane e J. Michael Kosterlitz, "pelas descobertas teóricas das transições da fase topológica e às fases topológicas da matéria".

O trio britânico desenvolve os seus trabalhos de investigação em universidades norte-americanas e descobriu as novas fases de transição da matéria.

A transição de fase ocorre quando fases da matéria transitam entre si, por exemplo, quando o gelo derrete e se torna em água. Ainda que as fases mais comuns sejam gás, líquido ou sólido, a matéria pode assumir outros estados a temperaturas extremas.

A temporada dos prémios Nobel 2016 começou na segunda-feira com o anúncio do Nobel da Medicina, atribuído ao japonês Yoshinori Ohsumi pela descoberta do mecanismo de autofagia celular.

Na quarta-feira é anunciado o Nobel da Química e na sexta-feira o da Paz, enquanto os da Economia (dia 10) e da Literatura (dia 13) serão atribuídos na próxima semana.