Aos poucos aquilo que um dia foi o Banco Espírito Santos vai-se desintegrando de vez.

O Novo Banco anunciou hoje que vai vender o Novo Banco Ásia ao grupo Well Link, sedeado em Hong Kong.

O Novo Banco “celebrou com a" Well Link Group Holdings Limited, “sociedade constituída em Hong Kong, um contrato de compra e venda da totalidade do capital social do Novo Banco Ásia”, refere um comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

A concretização da compra e venda do Novo Banco Ásia encontra-se agora dependente das necessárias aprovações, nomeadamente junto do Banco de Portugal e da Autoridade Monetária de Macau.

Sem revelar o valor da operação o banco assegura que “a conclusão da transação, nos termos ora acordados, terá um impacto positivo significativo no rácio de capital Common Equity Tier I do Novo Banco” e  “representa mais um importante passo no processo de desinvestimento de ativos não estratégico”, “prosseguindo o banco a sua estratégia de foco no negócio bancário doméstico”, acrescenta ainda o comunicado. 

Esta venda surge depois de ontem a instituição financeira ter anunciado a alienação dos principais ativos da Ascendi - empresa onde é parceira com a construtora Mota-Engil - por 600 milhões de euros. Ao Novo Banco cabe um encaixe de cerca de 240 milhões com o negócio.