Os preços no consumidor na zona euro subiram 1,2 por cento em Fevereiro face a Fevereiro de 2008, com Portugal e Irlanda a registarem a menor subida - 0,1 por cento - na UE, segundo o Eurostat.

Os dados divulgados pelo Eurostat, que confirmam a estimativa rápida antes publicada, mostram uma ligeira aceleração - de uma décima - da taxa de inflação homóloga nos países da moeda face a Janeiro e um abrandamento na UE no seu conjunto, onde baixou para 1,7 por cento em Fevereiro, depois de 1,8 por cento no mês anterior.

Face a Janeiro, os preços subiram 0,4 por cento em ambas as zonas.

Em Fevereiro de 2009, as taxas homólogas (face a igual mês do ano anterior) mais fracas foram observadas em Portugal e na Irlanda (0,1 por cento), assim como em Chipre (0,6 por cento), e as mais elevadas na Letónia (9,4 por cento), na Lituânia (8,5 por cento) e na Roménia (6,9 por cento).

Face a Janeiro de 2009, a inflação homóloga baixou em onze estados membros, manteve-se em dois, e aumentou em treze.