O presidente do BES, Ricardo Salgado, disse esta quinta-feira, a propósito dos desafios que a banca ainda tem pela frente, que «os banqueiros vão passar um Natal complicado». Em causa estão os testes de stress e a avaliação de ativos que o BCE vai fazer aos principais bancos europeus.

Ricardo Salgado estimou que os bancos portugueses vão conseguir deixar para trás os resultados negativos, em termos de setor, e começar a apresentar rendibilidades acima de 10% dentro de dois anos.

«Penso que os bancos portugueses vão conseguir dar a volta e ter uma rendibilidade razoável. A partir de 2015 vamos voltar a ter os bancos portugueses com uma rendibilidade muito razoável. Acima de 10%. Até 15%, eventualmente», afirmou o banqueiro num evento promovido pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDC), em Lisboa.