O vice-presidente do Banco Central Europeu, Vítor Constâncio, manifestou-se esperançado quanto à possibilidade de os bancos europeus estarem numa posição «mais confortável» em 2015 para emprestarem dinheiro, caso prossiga a consolidação da economia.

«Espero que a recuperação económica se consolide e, assim, em 2015, os bancos estarão numa posição mais confortável» para emprestarem, disse o economista numa conferência em Frankfurt, citado pela agência Bloomberg.

Vitor Constâncio referiu ainda que se a recuperação da economia avançar com a consolidação, então, «2015 poderá ser um bom ano».

Nessa altura, o aumento da procura e a melhoria do crescimento económico contarão com os bancos europeus numa posição «mais confortável», estando estes, por isso, «prontos para emprestar [dinheiro]», disse.