O economista João César das Neves acusou este sábado o Tribunal Constitucional de promover a desigualdade ao chumbar os vários diplomas sobre a Função Pública e as pensões.

César das Neves afirmou aos microfones da TSF que «o Tribunal Constitucional, em vez de invocar detalhes jurídicos, invoca o princípio da igualdade», mas que, com isso, «está a promover exatamente o contrário do que diz. Está a contribuir para a desigualdade e não para a igualdade porque não está a olhar para o quadro completo».

O economista acrescenta ainda outra crítica aos juízes do Palácio Ratton, acusando o Tribunal Constitucional de «estar a funcionar claramente em termos políticos. Temos um outro parlamento. E curiosamente com uma maioria da oposição».

Para o economista João César das Neves um segundo resgate a Portugal é um cenário provável.