A instituição financeira norte-americana Morgan Stanley reduziu a sua posição na Portugal Telecom SGPS para 1,96%, informou a empresa de telecomunicações, através de um comunicado colocado no sítio da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A diminuição da posição da Morgan Stanley resultou da alienação, em 27 de agosto de 2014, de 2.892.299 ações da PT pela Morgan Stanley & Co. International plc.

A posição atual deste acionista está repartida entre a Morgan Stanley & Co. International plc, que tem a maior parte, com 1,49% do capital social (13.373.239 ações ordinárias) e dos direitos de voto, a Morgan Stanley & Co LLC, a Morgan Stanley Capital Services LLC e a Morgan Stanley Smith Barney LLC.