O ministro da Economia, Pires de Lima, assegurou esta quarta-feira que Portugal vai cumprir o programa de ajustamento dentro do prazo que está previsto, em junho do próximo ano.

«Estamos a trabalhar para cumprir o programa de ajustamento económico e financeiro e essa é a única obsessão que eu posso ter enquanto ministro da Economia», afirmou Pires de Lima.

No entanto, o ministro sublinhou que a retoma da economia não se decreta.