O porta-voz do Fundo Monetário Internacional (FMI), Gerry Rice, diz que o programa de ajustamento grego está «no bom caminho», mas que «há alguns assuntos para resolver», acrescentando que o financiamento termina em julho de 2014.

«O programa está, no geral, no bom caminho. Houve progressos significativos, mas ainda há uma série de coisas para fazer. No caso das reformas da administração pública, estamos a olhar para a implementação dessas reformas (...) para depois proceder ao desembolso da parcela do empréstimo do FMI», disse Gerry Rice, em conferência de imprensa em Washington.

O responsável pela instituição liderada por Christine Lagarde disse ainda que «não há um buraco no financiamento até julho de 2014», cita a Lusa.

Interrogado sobre se isto significa que o financiamento do Fundo à Grécia termina em julho do próximo ano, Gerry Rice afirmou que «de acordo com o programa atual, sim».

O porta-voz do FMI disse que a organização continua a estimar que Atenas volte a registar crescimento económico em 2014, mas salvaguardou que «há incertezas relacionadas com uma série de fatores internos e externos».