75 das 308 autarquias pagaram os subsídios de férias aos trabalhadores em junho.

Estas contas consideram apenas os municípios que enviaram à Lusa a informação de que pagaram os subsídios de férias aos funcionários.

Estas autarquias justificam o pagamento do subsídio de férias com o facto de não existir uma lei que o impedisse e por terem folga de tesouraria para o fazer.