Os trabalhadores da CP estão em greve esta terça-feira, mas não deverá haver perturbações na circulação de comboios.

Segundo o Sindicato Nacional dos Trabalhadores Ferroviários, o impacto da paralisação deverá ser semelhante às greves em dia de feriado.

Nos últimos feriados de 15 de agosto e 10 de junho, a greve quase não se fez sentir nas estações da CP, com um número reduzido de comboios suspensos.

O Tribunal Arbitral decidiu não fixar serviços mínimos para o dia de hoje.

Os trabalhadores da CP voltam a cumprir greve ao trabalho extraordinário no dia 25 de dezembro e 1 de janeiro.