Os trabalhadores da Autoeuropa vão ter um aumento salarial de 2%, num mínimo de 20 euros, com efeitos a partir de 01 deste mês, segundo o pré-acordo alcançando esta sexta-feira e divulgado no site da Comissão de Trabalhadores (CT).

A CT refere, citada pela Lusa que, «depois de várias e difíceis reuniões de negociação que começaram a 4 de Setembro, com toda uma envolvência nacional e internacional desfavorável aos trabalhadores, chegou hoje finalmente a um pré-acordo com a administração».

O acordo terá uma vigência de 12 meses até 30 de setembro de 2015, sendo que o fabricante automóvel se compromete a não fazer nenhum processo de despedimento coletivo até 31 de dezembro 2015.

O plenário terá lugar a 29 de Outubro, após a reunião europeia e mundial das comissões de trabalhadores (CTs) com a administração do Grupo Volkswagen, de 20 a 24 de outubro em Wolfsburg, estando a votação marcada para 31 de outubro.

Segundo o comunicado divulgado, 30 dias após a assinatura do acordo, passarão ainda a permanentes todos os trabalhadores abrangidos ou a abranger pelas renovações especiais.

Além disso, a empresa compromete-se, em conjunto com a CT, a continuar a trabalhar junto da Volkswagen AG para manter e se necessário ampliar o programa 'interchange' como ferramenta de estabilidade no emprego.

O pré-acordo define ainda que até à restruturação dos horários de trabalho, o horário de saída do turno noturno passa para as 7,30 horas.

«Durante a próxima semana a Comissão de Trabalhadores distribuirá o conteúdo total do pré-acordo», diz.