Os CTT anunciaram hoje que a sua subsidiária espanhola Tourline Express Mensajería vai ser alvo de um processo de reestruturação, que prevê a redução do quadro pessoal, cujas negociações têm início quarta-feira.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), os Correios de Portugal adiantam que a Tourline Express "vai levar a cabo um processo de otimização e reestruturação ao nível dos recursos humanos, tendente ao aumento da eficiência operacional através de uma redução de gastos com pessoal e à melhoria e simplificação dos processos, no quadro do plano de reestruturação que tem vindo a ser implementado".

Nesse sentido, a Tourline Express inicia na quarta-feira "um processo de negociação com vista a uma diminuição do quadro de pessoal nos termos legais, envolvendo as devidas consultas às estruturas representativas dos trabalhadores desta empresa", explicam os CTT, empresa liderada por Francisco de Lacerda.


"Este processo insere-se no conjunto de iniciativas de 'turnaround' desta subsidiária que têm vindo a ser desenvolvidas ao nível da atividade própria e da rede de franchisados com vista ao restabelecimento da rentabilidade e sustentabilidade futura do negócio, nomeadamente a reestruturação para otimização de rede realizada no 4.º trimestre de 2014, estando os impactos deste processo, não recorrentes, em linha com essas medidas de reestruturação anteriores", conclui.